Dada a largada rumo às olimpíadas 2016! – Classificação Janeiro/2015

De acordo com o comunicado da CBX nº54/2014, a classificação para a equipe olímpica feminina se dará pelo cálculo dos 4 melhores ratings performances (Rp) em: Abertos do Brasil STD e em Semifinais e Finais do Campeonato Brasileiro Absoluto e Feminino.

Assim, os blog As Enxadristas acompanhará os torneios oficiais e atualizará mensalmente a tabela de classificação para a composição da equipe olímpica feminina que irá representar o Brasil em 2016.

Os torneios computados no mês de janeiro foram:

– O 1º Aberto do Brasil STD de 2015, realizado de 14 à 18 de janeiro na cidade do Florianópolis-SC (resultados aqui)

– O 2º Aberto do Brasil STD de 2015 realizado de 23 à 25 de janeiro na cidade do Rio de Janeiro-RJ (resultados aqui)

O número total de jogadoras que participaram dos Abertos do Brasil no mês de janeiro foi igual à 34 atletas.

Sem título

Não há nenhum torneio válido para contabilização de Rp agendado para o mês de fevereiro/2015. Confira os próximos torneios previamente oficializados no site da CBX clicando aqui.

Torneios contabilizados em 2015
Data Torneio Link Nº Jogadoras/Total de participantes
14 à 18/01 Floripa Chess Open 2015 AQUI 29/257
23 à 25/01 Aberto do Brasil da FEXERJ AQUI 8/130

Divulgação: Comunicado CBX nº 54 /2014 – Mudanças Xadrez Feminino Brasileiro

A CBX divulgou em 31/12/2014 comunicado contendo as informações para a Classificação para a Olimpíada Feminina e Semifinal e Final do Brasileiro Feminino (clique aqui).

Sem título

O Caderno de Regulamento de Torneios CBX pode ser vizualizado clicando aqui.

OBS: Eu realmente gostaria de saber quais foram as jogadoras consultadas que sugeriram que as mulheres devem enfrentar mais vezes jogadores masculinos por que “estão mais evoluídos tecnicamente”. Estas jogadoras não me representam. E provavelmente não representam uma grande parte das enxadristas brasileiras.

“Estrategicamente” esta “filosofia” também diminuiu o número de torneios femininos no país, uma vez que os torneios pré-olímpicos foram extintos do calendário nacional.

En passant

Ainda nas comemorações pelos 40 anos como jogadora de xadrez, 25 anos como instrutora na “Escolinha de Xadrez do Colégio Bom Jesus Santo Antônio” e 10 participações em olimpíadas, WIM Regina Ribeiro concedeu entrevista recentemente para o Chess Drum. Clique no link para conferir!

Mas não é a primeira vez que a nossa enxadrista vira manchete internacional, leiam a matéria abaixo:

936288_4915666806644_1258060127_n

WMI Regina Ribeiro foi notícia nas 27ª Olimpíadas Mundiais de Xadrez realizadas em Dubai (Emirados Árabes) em 1986! Nesta olimpíada, o Brasil terminou em 11º lugar (o segundo melhor resultado da equipe feminina em olimpíadas) e a equipe foi composta pelas WIM Maria Cristina Oliveira, Regina Ribeiro, Joara Chaves e Jussara Chaves. A grande campeã desta edição foi a extinta União Soviética, seguida pela Hungria, que ainda não contava com o fenômeno irmãs-Polgar.

Foto cedida pela WMI Regina Ribeiro (SC),  7 vezes campeã brasileira

*En passant  é uma seção de curiosidades sobre o xadrez feminino no  Brasil e no mundo

Tromso 2014: a maior olimpíada de xadrez

Na última rodada, a russa Kateryna Lagno sofreu com a pressão da búlgara Antoaneta Stefanova, enquanto a búlgara Iva Videnova também segurava vantagem contra a russa Valentina Gunina. Porém, após 3 horas de partida, Videnova errou terrivelmente e Gunina ganhou a partida, Kosteniuk ganhou de Nikolova e Pogonina ganhou uma grande vantagem, bastante o empate para garantir a medalha de ouro. E assim, a Rússia cravou seu tri-campeonato.

10599240_807602812612975_5589797094109988567_n

As duas outras equipes que completaram o pódium se enfretaram na mesa 2. Zhao Xue perdeu a vantagem que tinha contra a ex-campeã mundial Ushenina, Ju Wenjun também não conseguiu converter e a grande decisão ficou por conta de Muzychuk e Hou Yifan. Ao final, a China ficou com o vice-campeonato e a Ucrânia em 3º lugar nos critérios de desempate.

10513472_807602892612967_7990675221409894322_n

As 20 melhores equipes do mundo foram:

32

10579999_807602749279648_8264472766297870974_n

Além da medalha de ouro por equipe, as russas Alexandra Kosteniuk e Valentina Gunina também levaram o ouro pelo desempenho individual nos tabuleiros:

Colocação Nome Federação Rating Performance
Tabuleiro 5 3 WIM Dauletova, Gulmira Kazakhstan 2486
2 WGM Guo, Qi China 2520
1 WGM Padmini, Rout India 2584
Tabuleiro 4 3 IM Bulmaga, Irina Romania 2433
2 WGM Bartel, Marta Poland 2439
1 GM Zhukova, Natalia Ukraine 2512
Tabuleiro 3 3 WFM Frisk, Ellinor Sweden 2432
2 IM Matnadze, Ana Spain 2445
1 GM Kosteniuk, Alexandra Russia 2639
Tabuleiro 2 3 WGM Ju, Wenjun China 2564
2 GM Khotenashvili, Bela Georgia 2589
1 GM Gunina, Valentina Russia 2651
Tabuleiro 1 3 GM Cramling, Pia Sweden 2659
2 GM Hou, Yifan China 2671
1 GM Dzagnidze, Nana Georgia 2719

Com 136 federações no torneio feminino e 177 federações no torneio open, esta pode ser considerada a maior olimpíada da história, que reuniu aproximadamente 1500 enxadristas na terra do campeão mundial Magnus Calrsen.

Fotos: https://chess24.com/en/olympiad2014

Brasil termina em 44º lugar na 41º Olimpíada Mundial de Xadrez

10575414_10202502091010685_2978043919709830763_o

FM Álvaro Zimmermann, WIM Vanessa Feliciano, WIM Regina Ribeiro, WIM Juliana Terao, WIM Joara Chaves e WFM Suzana Chang

A equipe feminina brasileira (50º lugar no ranking inicial) terminou a sua participação na  41º Olimpíada Mundial de Xadrez realizada em Tromso (Noruega) na 44º colocação entre 136 delegações.

Sem

A equipe composta pelas WIM Vanessa Feliciano, Juliana Terao, Joara Chaves, Regina Ribeiro e WFM Suzana Chang iniciaram o torneio com uma vitória de 4 x 0 para a equipe de Aruba e logo na segunda rodada foi emparceirada com a grande campeã Rússia, totalizando 6 vitórias e 1 empate após 11 rodadas.

1

2

A grande campeã foi a equipe da Rússia com a excelente performance de 10 vitórias, tendo escorregado somente frente à medalha de bronze Ucrânia, num match delicado considerando o cenário da política atual. A equipe da campeã mundial GM Yifan Hou terminou como vice-campeã do torneio.

10551057_807292175977372_433631755339956781_n

Rússia x Bulgária pela 11ª rodada