Damas em Xeque! Margareth Giorghe e Ottilie Grohmann

Margareth Giorghe nasceu em Liezen, na Áustria, em 31 de outubro de 1918. Veio para o Brasil em 1948, já casada, com a filha Gertrudes, o marido e a sogra. Aqui teve mais um filho, Eugênio Reinaldo. Inicialmente, a família fixou residência em Campo Limpo Paulista (SP) e depois se mudou para a capital São Paulo. Entrou na montadora Volkswagen, de São Bernardo do Campo, em 1960, onde trabalhou como secretária e vendedora. Posteriormente, tornou-se a primeira mulher na empresa a ser supervisora. Aposentou-se em 1979.

Aprendeu a jogar xadrez com o pai, na Áustria. Na Volkswagen, praticava com um grupo de colegas de trabalho, no clube dentro da própria montadora. Única mulher a participar do 1º Torneio Industriário de São Bernardo do Campo, em 1974, obteve o 5º lugar entre 154 participantes.

Disputou dezenas de edições de Jogos Regionais e Jogos Abertos do Interior, desde a década de 1960, sempre pela cidade de São Bernardo do Campo, que adotou como sua.

A partir da década de 1980, formou grande parceria com a amiga Ottilie Maria Grohmann, tendo conquistado vários títulos por São Bernardo do Campo. Entre eles, figuram:

  • campeã feminina de São Bernardo do Campo: 1978 e 1990.
  • Jogos Regionais: campeã em 1963, 1967, 1969 e 1994; vice-campeã em 1966, 1973, 1984 e 1992; 3º lugar em 1968, 1971, 1974 e 1996.
  • Jogos Abertos do Interior: vice-campeã em 1966, 1967, 1969, 1970 e 1990; 3º lugar em 1971 e 1973.

Disputou o Campeonato Brasileiro Feminino de 1968, realizado em São Bernardo do Campo, no Clube Odeon, tendo ficado em 6º lugar. Sua última competição de destaque foi o Campeonato Brasileiro Feminino de 1998, no Clube de Xadrez São Paulo, quando terminou em 30º lugar (entre 35 participantes).

Dona Margareth continuou a jogar competições oficiais, em particular o Campeonato Feminino de São Bernardo do Campo, com troféu criado em 2003 e que leva o seu nome e o da amiga Ottilie (Troféu Margareth-Ottilie). Com louvor, ainda em forma aos 92 anos, disputou o seu último torneio feminino no início de junho de 2011.

Decorrente de complicações devido a uma fratura no fêmur, Margareth faleceu em 30 de julho de 2011, no dia em que São Bernardo do Campo se consagrava campeã-geral dos 55º Jogos Regionais, após 38 anos de jejum. Justamente ela que participou da conquista geral dos Jogos Regionais de 1973, obtendo na época o vice-campeonato, e que tantas glórias e medalhas trouxe para o esporte da cidade. O enterro realizou-se no Cemitério de Congonhas, em São Paulo.

Imagem

Otillie e Margareth

Ottilie Maria Grohmann nasceu em Köln (Colônia), na Alemanha, em 29 de agosto de 1916. Veio para o Brasil com dois anos, ao lado dos pais Wilhelm Friehe e Emilie Marie Anna Frische e de dois irmãos. Casou-se com Hans Grohmann e teve uma filha, Marlene. Inicialmente, a família fixou residência em Igarapava (PR), mudando-se depois para a capital São Paulo.

Aprendeu a jogar xadrez com o pai, aos nove anos. Ele sempre a incentivou, oferecendo até dinheiro para que ganhasse dos amigos dele. Jogou durante muitos anos no centenário Clube de Xadrez São Paulo, tendo disputado Jogos Regionais e Jogos Abertos do Interior por São Caetano do Sul nos anos 1970.

Na década de 1980, passou a jogar por São Bernardo do Campo, quando estreitou os laços de amizade com Margareth Giorghe. Entre os principais títulos por São Bernardo do Campo, figuram:

  • campeã feminina de São Bernardo do Campo: 1992.
  • Jogos Regionais: campeã em 1994; vice-campeã em 1984, 1992 e 1993.
  • Jogos Abertos do Interior: vice-campeã em 1990.

Disputou o Campeonato Brasileiro Feminino de 1968, realizado em São Bernardo do Campo, no Clube Odeon, tendo ficado em 3º lugar. No Brasileiro de Blumenau (SC), em 1972, ficou em 4º lugar, e por pouco não obteve vaga na equipe olímpica brasileira. Sua última competição de destaque foi o Campeonato Brasileiro Feminino de 1998, no Clube de Xadrez São Paulo, quando terminou em 26º lugar (entre 35 participantes).

Ottilie faleceu em 21 de maio de 2003, aos 86 anos. O enterro realizou-se no Cemitério da Paz, em São Paulo.

Imagem

Otillie e Margareth

Neste final de semana será realizado o Campeonato Feminino de Xadrez de São Bernardo do Campo – 11º Troféu Margareth-Ottilie, organizado e dirigido pela Secretaria de Esportes e Lazer (SESP) da Prefeitura, com apoio da Liga de Xadrez (LXSBC), tem por objetivo permitir a reunião e o congraçamento das enxadristas. Confira o folder aqui.

Fotos e biografia por Ricardo Criez

Anúncios

3 pensamentos sobre “Damas em Xeque! Margareth Giorghe e Ottilie Grohmann

  1. !!! para esta matéria. Em um país que jovens são sempre privilegiados em detrimento dos mais velhos, é reconfortante ler esta matéria homenageando essas saudosas e longevas enxadristas, as quais demonstram que não há idade para a prática do nosso glorioso esporte.
    Parábens madames!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Pingback: O blog As Enxadristas comemora 20.000 acessos | As Enxadristas

Obrigada por comentar ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s